dr-marcosNo Brasil, o médico recém formado pode praticar qualquer ato clínico ou cirúrgico. Porém devido a complexidade da Cirurgia Plástica, o especialista é o profissional mais preparado para estes tipos de procedimentos. Para se tornar um especialista, o médico depois do curso de Medicina, deve atuar como residente em Cirurgia Geral por 2 anos e somente assim estará apto a pleitear a residência em cirurgia plástica. Sendo aprovado no exame de ingresso, o médico será treinado por mais três anos, tornando-se um membro aspirante da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Após o término dessas etapas, é submetido a provas escrita e oral, sendo avaliado por uma junta de experts na especialidade. Uma vez aprovado, A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica então confere o Título de Especialista, devidamente reconhecido pelo Conselho Federal de Medicina.

O Dr. Marcos Roberto Pacheco de Souza CRM/SC 11092, Cirurgião Plástico, Membro Especialista da SBCP.
Médico graduado pela Universidade Federal de Pelotas – RS.
Especialista em Cirurgia Geral pelo Serviço de Cirurgia Geral do Hospital São José – Criciúma/SC (Reconhecida pelo MEC).
Especialista em Cirurgia Plástica pelo Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital Cristo Redentor – Porto Alegre/RS (Reconhecida pelo MEC e Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica)
Título de Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)

Nosso blog

Nossos endereços

Imbituba – SC
Rua 3 de Outubro, 445 – Centro
(48) 3355-6092

Garopaba – SC
Rua Maria Antônio dos Santos, 976 – Centro
(48) 3254-6756

Laguna – SC
Rua Osvaldo Aranha, 448 – Centro
(48) 3644-0886

Palhoça – SC
Avenida Elza lucchi, 127 – Centro
(48) 3093-3854